Em 23/02/2020 às 17h31

Vitória sobre a Cabofriense vira referência para Resende na Taça Rio

Time vai para o segundo turno buscando apagar imagem ruim do primeiro


Autor: Redação FutRio / Foto: Felipe Gonzalez (Agência FERJ)

Em seis jogos na temporada até agora, o Resende só venceu um: o último, contra a Cabofriense, na Região dos Lagos. E é este jogo que vem servindo de exemplo para o Gigante do Vale, não pela conquista dos três pontos, mas sim pela entrega. O zagueiro Rhayne ressaltou que a equipe fez boas partidas durante a Taça Guanabara, mas neste confronto teve uma dedicação acima do comum.

- Levaremos para a Taça Rio a mesma dedicação e espírito que apresentamos no último jogo contra a Cabofriense. É claro que nas partidas anteriores tínhamos feito bons jogos, mas não conseguimos vencer as partidas. Já contra a Cabofriense o clima estava diferente, tinha o "algo a mais". Acredito que se mantivermos a mesma seriedade e dedicação, podemos fazer uma Taça Rio melhor - ressaltou o zagueiro.

Porém, apesar de acreditar que o Resende vai fazer um segundo turno melhor, Rhayne alertou que espera uma Taça Rio mais difícil do que a Guanabara, pois as equipes estão tendo tempo para corrigir erros e que todos estarão melhores preparados.

- As dificuldades só aumentam, todas as equipes tiveram mais ou menos 20 dias para ajustar e corrigir alguns erros. Acredito que as partidas serão ainda mais equilibradas e com isso exigirão um nível de concentração ainda maior - afirmou.

O Resende volta a campo no dia 29 de fevereiro, na abertura da Taça Rio, contra o Vasco, no Raulino de Oliveira, às 19h.

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por