Em 17/11/2019 às 18h22

Nos pênaltis, Teresópolis elimina Brasileirinho e vai às semifinais da Série C

Matheus Cabral defende duas cobranças e conduz Tricolor ao jogo do acesso


Autor: Redação FutRio / Foto: Divulgação

O Teresópolis está na semifinal da Série C do Campeonato Carioca. Neste domingo (17), a equipe perdeu por 1 a 0 para o Brasileirinho no tempo normal, gol marcado pelo atacante Júlio mas venceu nos pênaltis por 4 a 3 e carimbou o passaporte para enfrentar o Ceres no jogo do acesso. O herói foi o goleiro Matheus Cabral, que defendeu duas cobranças. A partida, no entanto, ficou marcada por uma confusão generalizada entre jogadores dos dois times após o fim da disputa.

Se enfrentando pela quarta vez no campeonato, Brasileirinho e Teresópolis fizeram um jogo cercado de tensão. Muitas faltas, nervosismo dos dois lados e poucas finalizações diante de um jogo extremamente travado. Desta forma, o gol da abertura do placar só poderia sair na bola parada. Em falta frontal, aos 25 minutos, Júlio acertou um lindo chute no ângulo do goleiro Matheus Cabral que ficou batido: 1 a 0. A equipe verde e amarela ainda teve o controle do jogo e chegou a criar oportunidades de ampliar ainda no primeiro tempo, mas não conseguiu.

No segundo tempo, o nervosismo aumentou e as chances foram cada vez mais raras para os dois lados. A melhor do Teresópolis foi aos 39 minutos, quando Vini Souza foi lançado em profundidade, invadiu a área pela direita, mas chutou para fora. No último lance da partida, a mais clara do Brasileirinho: Jandir, num contra-ataque de quatro atacantes contra apenas um defensor, errou o passe e desperdiçou a chance de se classificar e evitar a disputa por pênaltis. 

Depois de um jogador convertendo para cada lado, coube a Jean inaugurar as defesas na disputa em pênalti cobrado por Elder. No entanto, na cobrança seguinte, Matheus Cabral pegou a de Jandir e, posteriormente, a última de Maicon, que garantiu a classificação para o Teresópolis.

Confusão generalizada no fim da partida

A rivalidade entre os dois clubes, criada ainda na fase de grupos, ganhou proporções inimagináveis ao fim da partida. Após provocações, uma confusão generalizada se formou no centro do gramado, com inúmeras agressões entre jogadores, membros de comissão técnica e até pessoas não identificadas que invadiram o campo. Até uma cadeira e um pedaço de madeira foram utilizados na confusão. Não havia policiamento no estádio e a confusão só apartou após cerca de 20 minutos.

Clique aqui e veja o vídeo da pancadaria generalizada disponível no Instagram do FutRio.

A partida
Brasileirinho 1 (3)x(4) 2 Teresópolis - Carioca Série C, quartas-de-final, volta - 17/11/2019 às 15h

Estádio Atílio Marotti (Petrópolis-RJ)
Árbitro: Igor Lourenço Abade dos Santos
Assistentes: Ricardo Araújo de Souza e Thiago Filemon Soares Pinto

Brasileirinho: Jean; Jandir, Sargento, Carlos e João Pedro; Gustavo, Marco Vinicio, Maicon e Paulo Henrique; Júlio, Vitinho (João Victor, 42'/2ºT) e Rafael (Drogba, 35'/2ºT). Técnico: Jorge Bug.

Teresópolis: Matheus Cabral; Elder, Ramon, Yuri e Matheus Oliveira; Jhonatan, Luiz, Rennan e Allan (Daniel, intervalo); Matheus Magé (Douglas, 15'/2ºT) e Vini Souza. Técnico: Arthur Santos.

Cartões amarelos: Carlos, Rafael e Paulo Henrique e Júlio (BRA); Ramon, Vini Souza e Jhonatan (TER)

Gols: Júlio, 25'/1ºT (1-0)

Ingressos comercializados: 192 (63 presentes)
Renda: R$ 1.455,00

Tags: Teresópolis, Brasileirinho

Outras Notícias

Encontre-nos no Facebook






As informações deste site são constantemente atualizadas pelo FutRio. Ressaltamos que o FutRio reserva-se ao direito de alterar qualquer informação do site, valores e demais informações, sem aviso prévio.

© Copyright FutRio - Todos os direitos reservados.

desenvolvido por